10/04/2022 às 18h17min - Atualizada em 10/04/2022 às 18h17min

OAB/AL e Equatorial dialogam sobre qualidade dos serviços e segurança da população

Presidente Vagner Paes e Comissão de Fiscalização das Concessionárias receberam, nesta sexta-feira (8), a presidência da Equatorial Alagoas

Por Redação

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil em Alagoas (OAB/AL), Vagner Paes, e a Comissão de Fiscalização e Acompanhamento das Concessionárias Públicas da OAB receberam, nesta sexta-feira (08), a presidência da Equatorial Energia no estado. Durante o encontro, a concessionária apresentou os investimentos e novos projetos que serão implantados em Alagoas. Na oportunidade, o presidente da OAB solicitou a atenção da empresa às demandas recentes da população quanto aos serviços prestados.

“Muitas vezes a OAB é a última porta, ou a única porta, que a população tem. Somos uma porta de acolhimento à sociedade. E nós também sabemos da importância da empresa para Alagoas, na geração de empregos e investimentos. Então a gente quer construir pontes, pois acreditamos no diálogo, na ação propositiva”, afirmou Vagner Paes.

Vagner relembrou alguns casos recentes que estão sendo acompanhados pela instituição, como o de uma criança que morreu após ser eletrocutada em Riacho Doce, em Maceió. “Temos algumas preocupações que são os casos recentes de mortes. Sabemos que danos e deficiência na prestação de serviços ocorrem, e sabemos da celeridade da empresa em trabalhar para minimizá-los, mas quando a gente fala em vidas humanas, a preocupação é muito maior. Isso nos toca muito e, por isso, a nossa atuação mais incisiva nessas situações”, ressaltou Paes.

A presidência da Equatorial afirmou que tem trabalhado, inclusive em conjunto com órgãos públicos, para evitar e sanar os casos. “Temos diversas ações preventivas e de atendimento para atuar rapidamente caso ocorram situações de risco. Alguns dos acidentes têm causas que fogem da atuação da Equatorial e, nesse sentido, estamos buscando os órgãos competentes. Pode ter certeza que a gente vai trabalhar para reduzir esse tipo de acidente e, quando acontecer, que não tenha a gravidade de óbito”, afirmou Humberto Soares, presidente da empresa em Alagoas.

Com uma comissão recém-criada, este ano, para fiscalizar e acompanhar o trabalho das empresas concessionárias de serviços públicos, a OAB/AL se colocou à disposição da Equatorial para realizar parcerias que otimizem o atendimento às queixas da população, realizando conciliações extrajudiciais que evitam a judicialização de casos, desafogam a Justiça e resolvem mais rapidamente o problema dos consumidores. “Essa casa é uma casa aberta para a Equatorial e todas as empresas que são importantes no desenvolvimento social e econômico do estado”, disse o presidente Vagner Paes.

Comissão – Criada em março, a Comissão de Fiscalização e Acompanhamento das Concessionárias Públicas atua com a finalidade de que os serviços públicos executados sejam o melhor prestado para a sociedade. “O objetivo é melhorar para o beneficiário que está lá na ponta. Somos um instrumento mediador apto para ajudar a população e a própria empresa”, disse a presidente da Comissão, a advogada Marília Carnaúba.

Também participaram do encontro o advogado Jessé Muricy, vice-presidente da comissão local e secretário-geral da Comissão Especial de Obras, Concessões e Controle da Administração Pública da OAB Nacional, a gerente do departamento Jurídico e o advogado da Equatorial, Karine Pereira e Bruno Wanderley, e a gerente executiva de Comunicação da empresa, Isa Mendonça.



Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »