20/04/2022 às 16h11min - Atualizada em 20/04/2022 às 16h11min

NOVE COMPLEXOS NUTRICIONAIS TÊM FINANCIAMENTO APROVADO PELO FECOEP

Equipamento de segurança alimentar fornece refeições diárias gratuitas às famílias em situação de vulnerabilidade social

Por redação - Karina Lima Moraes / Ascom Seades

Nove municípios de Alagoas receberam aprovação de financiamento do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep) para implantação de complexos nutricionais. O equipamento de segurança alimentar - que fornece refeições diárias gratuitas às famílias em situação de pobreza e extrema pobreza - encontra-se em distintas etapas de execução.

 

Dentre os municípios com financiamento aprovado - Pilar, Pão de Açúcar, São Sebastião, Teotônio Vilela, Batalha, Santana do Ipanema, Murici, Passo de Camaragibe e Chã Preta -, o complexo nutricional de Pilar já se acha em funcionamento desde 2020 e os de Batalha e Santana do Ipanema estão em fase de inauguração.

 

Desde o último dia 23 de março, o aporte financeiro de até R$ 350.000,00 (trezentos e cinquenta mil reais) pode ser utilizado, a critério dos municípios, para construção do prédio ou compra de maquinários e utensílios de cozinha industrial. A ampliação do objeto foi definida em reunião entre a equipe técnica da Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) e o conselho do Fecoep. Até então, o recurso deveria ser usado apenas na edificação do espaço destinado à instalação do equipamento.

 

O superintendente de Segurança Alimentar e Nutricional, Antônio Carilo, falou da relevância de equipamentos desta natureza. “Os complexos nutricionais são equipamentos que servem para garantir segurança alimentar às famílias mais vulneráveis. Hoje já temos em funcionamento um complexo nutricional que foi construído com recurso oriundos do Fecoep e fornece alimentos a sua população mais carente. Assim como temos alguns para serem entregues e outros com recursos aprovados”, explicou o superintendente da Seades.

 

Além dos nove municípios com financiamento garantido, sete outros estão em processo de homologação pelo Fecoep. A data de aprovação do recurso depende do cumprimento dos trâmites legais. “Algumas prefeituras viram a necessidade de terem esses equipamentos em seus municípios. Os gestores entraram em contato com a Seades, e começamos a fase de construção dos projetos. Após a aprovação do Fecoep, os municípios receberão o recurso para a construção ou a compra de materiais”, completou Antônio Carilo.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »