20/04/2022 às 20h32min - Atualizada em 20/04/2022 às 20h32min

PARCERIA ENTRE EDUCAÇÃO E TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL CONSCIENTIZA JOVENS SOBRE A IMPORTÂNCIA DO VOTO

Ações devem percorrer algumas escolas da rede estadual para fortalecer o protagonismo juvenil nas eleições de 2022

Por redação - Beatriz Rodrigues, sob supervisão
Alunos manipularam urnas eletrônicas votando em candidatos fictícios

Com o objetivo de incentivar e reforçar a importância da participação dos jovens no processo eleitoral, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), criou o projeto Rolê das Eleições, onde a equipe técnica do TRE, por meio de palestra, esclarece os estudantes como exercer a cidadania e tirar o título de eleitor, por exemplo. Nesta segunda-feira (11), aconteceu um desses encontros, com os alunos da Escola Moreira e Silva, no Cepa, em Maceió.


 

"É de extrema necessidade a gente falar sobre democracia para os jovens, pois são eles que estão com o protagonismo, o voto deles contam e tem voz para mudar o bairro, a cidade, o estado e o nosso país. Ações como essa devem ser intensificadas. Os jovens precisam se sentir parte do processo”, explica o secretário de Educação, José Márcio.

 

A palestra também contou com a participação do presidente do TRE, Otávio Praxedes, que compartilhou um pouco de sua trajetória para os estudantes e também ressaltou a importância da manutenção da democracia e da forma segura como são feitas as eleições atualmente com a urna eletrônica.

"Todos nós somos parte do processo de democracia, precisamos exercer o nosso direito, o nosso papel de cidadão, decidindo o nosso futuro. Temos que tomar cuidado com as informações de que nosso processo eleitoral é fraudulento, não é verdade, a democracia no brasil existe, e a urna é segura sim", afirma Otávio.

 

Para Yuri Gonçalves, secretário da Escola Judiciária Eleitoral, os estudantes do ensino médio são os alvos das ações do TRE que incentivam os jovens a tirarem o título de eleitor e exercerem seus papéis como cidadão.  "Jovens de 16 e 17 anos são os principais beneficiados com essas palestras, pois vamos mostrar como é o processo eleitoral. Desde tirar o título, até realizar o voto na urna eletrônica", ressalta.

 

De forma bem didática, os técnicos do TRE explicaram passo a passo do processamento dos dados nas urnas eletrônicas para os estudantes, mostrando como os técnicos recebem a urna e como ela contabilizará cada voto, que é secreto em todos os momentos. Entre os quase 300 estudantes participantes, um deles foi Gabriel Matheus, que tem 15 anos e estuda na Escola Estadual Laura Dantas.

“Não sabia que eu poderia já tirar o título, será a primeira coisa que vou fazer quando sair daqui. Acredito que precisamos de palestras assim pois é importante a gente compreender o sistema, já que nós também fazemos parte dele. Eu nunca votei e espero que esse ano seja a primeira vez que vou votar e contribuir diretamente no futuro do meu país”, conta Gabriel.

 

O prazo para tirar o título de eleitor segue até 4 de maio e pode ser feito online por jovens a partir de 16 anos completos até o dia 2 de outubro, por meio do site do tse.jus.br. As ações em parceria seguem em outras unidades da rede estadual até o final do mês.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »